O amor as vezes faz a gente fazer coisas malucas, e isso é verdade. Imagine que você faz algo enorme pela pessoa que ama para salvar sua vida e ela o rejeita quando você expressa seu amor. Isso vai quebrar seu coração em um milhão de pedaços, certo?

Bem, mas este homem corajoso chamado Simon Louis ainda teve a coragem de sorrir, mesmo depois de passar pelo cenário exato. Simon Louis doou um rim para a mulher que ama para salvar sua vida e, mais tarde, quando ele a pede em casamento, ela o rejeita porque não queria estragar a amizade.

O início de tudo

Tudo começou quando Simon Louis e Mary Emmanuelle se encontraram pela primeira vez em meados dos anos 90 em um clube de Londres.

Os dois tiveram afinidade desde o começo e até se beijaram. Mas nada realmente aconteceu depois e eles apenas permaneceram amigos.

Mas, Simon já estava apaixonado por Mary e acabaria mandando chocolates e rosas, que ela aceitava apenas como amigos. Mary estava ocupada cuidando de seu filho Dwayne, de 8 anos, e não tinha tempo para mais nada.

O problema de saúde da amada

Anos depois, Mary desmaiou em sua casa. Isso foi descoberto por seu filho, que tinha 21 anos na época. Ela foi imediatamente levada para o hospital e mais tarde veio a notícia de que ela sofre de doença renal em estágio terminal e que apenas um transplante de rim poderá salvá-la.

Pra piorar a situação a má notícia era seu raro tempo de sangue, B-negativo, que é realmente difícil de encontrar.

Então Simon Louis veio em seu socorro, pois inacreditavelmente ele tinha o mesmo tipo sanguíneo e sugeriu fazer o teste para descobrir sua elegibilidade como doador.

Felizmente, os resultados de compatibilidade deram todos certos e Louis doou o rim para ela . Os dois foram operados e concluíram com sucesso o procedimento de transplante de rim.

O pedido de casamento e a rejeição

Pouco depois, Louis a propôs em casamento. Mas, infelizmente, Mary rejeitou sua proposta de casamento porque ela apenas pensa nele como um amigo.

Apesar de ela ter rejeitado sua proposta, Louis diz que não se arrepende de nada. Ele disse: “Eu ofereci meu coração a ela, mas tive que me contentar em dar a ela meu rim. Aconteça o que acontecer, nunca me arrependerei de ter dado a ela o presente da vida. ”

Bem, quem pode culpar Mary?

Gratidão não é amor e ela não poderia enganar os sentimentos do amigo, não acham?

Fonte traduzida e adaptada : Noonecares


Top 5 histórias mais lidas do site:
*Com 51 anos de casamento Tony Ramos afirma “Ela é tudo” e dá dicas para a vida à dois
*Henrique Fogaça vibra com filha, que conseguiu ficar de pé e se trata com canabidiol
*Deputado, médico , mas antes de tudo “PAI” . Deputado trabalha com filha no colo no Maranhão
*Com a mãe doente os irmãos colocaram ela no asilo, ele pediu demissão e resolveu cuidar dela sozinho
*Carol Nakamura adota menino de 9 anos que morava no lixão: “Saiu do lixão para nos fazer feliz”

COMENTÁRIOS




Pais 24hs
Informação de qualidade para Pais de qualidade.