Aos 52 anos, Mara Maravilha se tornou mãe de um garotinho de dois anos. Ao lado do noivo, Gabriel Torres, ela adotou seu primeiro filho, o pequeno Benjamim, após quase três anos na fila de espera da adoção, e em seu perfil no Instagram ela escreveu um texto tocante sobre ser mãe após os 50 anos. Confira:

“Sou mãe aos 50 anos, mas não seria o tempo de ser avó? Vivo, sim, o empoderamento feminino, porque entendo que não existe cedo ou tarde, só existe o tempo certo, tudo acontece como e quando tem que acontecer, e o tempo de Deus tem seus mistérios, porém não nos cabe entender, mas confiar” escreveu a apresentadora.

“Toda história tem um passado, mas como termina, determinará a honra! E o tempo de Deus tem perfeição e eu estou amando e me sentindo literalmente mara em ser mãe aos 50 anos!”, escreveu Mara.

“Eu, Gabriel e a nossa família ganhamos de Deus o nosso Benjamim, cujo nome significa, filho da felicidade”, escreveu a mamãe de primeira viagem na legenda de outra publicação.

Mara está gostando tanto da experiência que planeja ser mãe novamente. A apresentadora deu uma entrevista para a  Revista Crescer e falou sobre essa vontade e o ofício de ser mãe.

“Sim! Logo, logo! Vou aumentar minha família. Agora, vou fazer o meu Show Maravilha (risos). E, em primeira mão: vou acrescentar Benjamim no meu sobrenome e no do Gabriel!”, disse.

A apresentadora revelou por que resolveu adotar uma criança e como foi todo o processo de adoção até receber Benjamin.

“Missão! Eu tentei de várias formas, inclusive com inseminação artificial, mas não aconteceu. Era para ser exatamente assim, como está sendo. Benjamim é a minha promessa, o meu milagre; uma nova geração nascida da minha história. Hoje, quando olho para o meu filho, tudo tem sentido. Esperamos mais de três anos na fila da adoção, e quando ele fez 1 ano já estava conosco, ou seja, nasceu para ser nosso!”, revelou na entrevista.


Top 5 histórias mais lidas do site:
*Pai descobre que sua filha fazia bullying e decide fazer compras com a vitima usando o dinheiro destinado à filha.
*“Meu marido não viu nossa filha nascer, porque levou minha sogra para sala de parto”, diz mãe
*Henrique Fogaça vibra com filha, que conseguiu ficar de pé e se trata com canabidiol
*Com a mãe doente os irmãos colocaram ela no asilo, ele pediu demissão e resolveu cuidar dela sozinho.
*Com 51 anos de casamento Tony Ramos afirma “Ela é tudo” e dá dicas para a vida à dois.

COMENTÁRIOS




Pais 24hs
Informação de qualidade para Pais de qualidade.