No segundo ano de Sy Newson Green no ensino médio, uma crise de saúde familiar consumiu todo o dinheiro que teria para pagar sua mensalidade na escola particular que ele frequentava há um ano.

Seu pai precisava de um transplante de coração, sua mãe perdeu a visão quando uma bola de softball atingiu seu olho e ambos perderam o emprego. A escola Palma, em Salinas, Califórnia, poderia fornecer alguma ajuda com bolsa de estudos, mas não o suficiente para cobrir os $ 12.900 de mensalidade anual.

A ajuda chegou do lugar mais improvável

A escola tem uma parceria com o Centro de Treinamento Correcional (CTF) na Prisão Estadual de Soledad para formar um grupo de leitura para presidiários e alunos do ensino médio – reunindo os dois grupos para aprender e desenvolver maior compreensão um do outro.

Mas o grupo de leitura se desenvolveu em muito mais do que uma troca de conhecimento e empatia. E os presos resolveram se juntar quando descobriram das necessidades do jovem Sy Green.

Os presos juntaram o dinheiro que ganhavam aos poucos trabalhando na prisão, como limpeza e escriturário. Eles arrecadaram um total de $ 32.000 (algo em torno de mais de 150 mil reais) ao longo de cerca de três anos – um feito notável, considerando que os prisioneiros na Califórnia ganham um salário-base de 8 centavos por hora por muitos de seus trabalhos diários, como limpar o chão.

Os doadores

O ex-presidiário Jason Bryant, um dos líderes da arrecadação de fundos para bolsas, disse que dos cerca de 2.000 presidiários em sua unidade, cerca de 1 em cada 3 concordou em doar duas vezes por ano. Algumas doações chegaram a custar US $ 1 e outras chegaram a US $ 100, com a maioria das doações em valores de US $ 5 ou US $ 10, disse Bryant.

Bryant cumpriu 20 anos de prisão por assaltos à mão armada em que uma das vítimas foi morta a tiros por um cúmplice. Mas enquanto estava dentro da Prisão Estadual de Soledad, ele fez um esforço diário para mudar sua vida, ganhando seu diploma de bacharel , dois mestrados e executando programas de treinamento de liderança para presidiários.

“Acho que inerentemente a maioria das pessoas, mesmo aqueles de nós que tomaram a pior decisão em nossas vidas, querem fazer parte de algo bom”, disse Bryant. “Essa ideia quando começamos era muito boa: podemos ajudar algum jovem a obter uma vantagem que muitos de nós não tinham.”

A empatia entre alunos e presos

Sy Green disse que, na primeira vez que conheceu seus benfeitores, eles foram excepcionalmente gentis e o fizeram se sentir confortável.

“Você não sabe o que esperar de uma prisão”, disse ele. “Você só sabe o que vê na TV. Assim que passei por aqueles portões, todos estavam alinhados para apertar minha mão e me encontrar. ”comentou ele ao Washington Post.

Os presidiários do programa reconhecem e lamentam os erros que cometeram, e querem sair da prisão e viver uma vida produtiva, disse Micheletti coordenadora do programa de leitura.

“É uma grande lição de redenção e esperança”, disse Micheletti. “Todos nós iremos machucar as pessoas e falhar … então o que vem a seguir?” concluiu Micheletti.

Sy Green está no bom caminho. Seu pai teve um transplante de coração bem-sucedido no ano passado e  Green é atualmente calouro da faculdade de comunicações. Ele disse que a experiência com os presos o ensinou sobre humildade e não julgar com muita severidade.

Esses homens podem ter feito coisas terríveis para chegar à prisão , mas eles também sentem um profundo remorso por seus crimes e querem contribuir com a sociedade em vez de tirar algo dela, disse Green .

Fonte : Washingtonpost


Top 5 histórias mais lidas do site:
*Com 51 anos de casamento Tony Ramos afirma “Ela é tudo” e dá dicas para a vida à dois
*Henrique Fogaça vibra com filha, que conseguiu ficar de pé e se trata com canabidiol
*Deputado, médico , mas antes de tudo “PAI” . Deputado trabalha com filha no colo no Maranhão
*Com a mãe doente os irmãos colocaram ela no asilo, ele pediu demissão e resolveu cuidar dela sozinho
*Carol Nakamura adota menino de 9 anos que morava no lixão: “Saiu do lixão para nos fazer feliz”

COMENTÁRIOS




Pais 24hs
Informação de qualidade para Pais de qualidade.